Plano de saúde cobre cirurgia plástica? Descubra a resposta

Fazer uma cirurgia plástica é um sonho para muitas pessoas, seja para remover uma gordurinha em excesso, afilar o nariz, ou turbinar os seios.

Por mais que esses procedimentos pareçam incríveis, muitos não sabem que eles não são cobertos pelos planos de saúde, ao menos não da maneira que os clientes gostariam.

Para acabar de vez com suas dúvidas em relação a esse assunto, a equipe do Plano de Saúde Populares preparou um artigo com tudo o que você precisa saber, confira:

Veja também: Gravidez | Veja dicas para combater as estrias durante esse período

A cirurgia plástica e os planos de saúde

marcações de cirurgia plástica no corpo de uma mulher

Primeiro de tudo, devemos dizer que a cobertura de uma cirurgia plástica por parte do plano de saúde, depende de cada caso e da avaliação de um médico.

Tudo começa com o motivo da cirurgia, já que cirurgias para fins estéticos não são cobertas, mas se o procedimento estiver relacionado a um problema de saúde, ela pode ser sim coberta, tais como os seguintes casos abaixo:

A cirurgia bariátrica é indicada para casos de obesidade extrema, consistindo na redução do estômago, como uma forma de diminuir a ingestão de alimentos do paciente, resultando em perda de peso.

Com a perda de peso, é óbvio que teremos um excesso de pele que pode ser bem desagradável visualmente. Na grande maioria dos casos, a cirurgia reparadora para a remoção desse excesso de pele não é coberta pelo plano, no entanto, ela pode ser coberta caso um médico ateste que a saúde do paciente está sendo afetada.

Outro exemplo de procedimento coberto pelo plano de saúde é a colocação de prótese mamária, no entanto, isso só acontece quando o paciente precisa remover um dos seios por conta de um câncer.

O plano cobre cirurgias por motivos estéticos?

Se você sonha em mudar alguma coisa em seu corpo, por meio de uma cirurgia, é importante ter ciência de que procedimentos estéticos não são cobertos por nenhum plano de saúde, já que eles não fazem parte da lista estipulada pela ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar, que regulamenta os planos de saúde).

Como dissemos acima, as cirurgias plásticas só são cobertas se estiverem ligadas a algum problema de saúde do paciente.

Vale lembrar que cirurgias reparadoras também serão cobertas caso o paciente sofra algum acidente que prejudique sua aparência, no entanto, é importante conferir todas as condições do seu plano no momento da contratação.

O que você precisa saber antes de realizar uma cirurgia plástica

Por mais que os planos de saúde não cubram cirurgias estéticas, caso você tenha interesse em realizar um procedimento de forma particular, é importante tomar alguns cuidados prévios, tais como:

Consultar o CRM do médico e o histórico dele, não realizar nenhum procedimento em clínicas sem UTI, realizar um check-up completo e seguir todas as orientações médicas, incluindo dietas.

Para demais dúvidas, consulte um profissional.

Também pode te interessar: Rinoplastia | Conheça mais sobre o procedimento e como ele é feito

Apesar de não cobrirem cirurgias estéticas, os planos de saúde são a melhor maneira de se obter atendimento médico de qualidade no Brasil. Pensando nisso, faça agora mesmo uma cotação gratuita com nossa equipe e garanta a sua saúde e a de sua família.

Simulação por WhatsApp

Receba tabelas de planos de saúde por WhatsApp

Simulador Ligar